Pizza sem glúten

Postado por menusemgluten em 16/set/2013 - Sem Comentários

Pizza sem glúten (outra massa)

Esta foi a primeira massa de pizza sem glúten que fiz. Confesso que fiquei bastante empolgada com o resultado.

Esta massa é um pouco mais trabalhosa que a a outra que fiz e passei a receita no blog (com o mix pan da Schar), mas você pode fazer com as farinhas sem glúten usuais, que você tem em casa.

Esta receita é do site Vida sem Glúten & Alergias. Lá no site tem um vídeo ensinando como fazer essa massa.

Para a massa você vai precisar de:

Farinha sem glúten para Pizza:

  • 200 g de farinha de arroz
  • 200 g de polvilho doce
  • 100 g de farinha de tapioca (se não encontrar a farinha, use a tapioca granulada – mas você precisa bater no liquidificador até virar farinha)
  • 12 g de goma xantana (4 colheres de chá)

Misturar tudo muito bem, guardar num recipiente plástico ou vidro bem fechado.

Massa para a Pizza

  • 195 g de farinha sem glúten (1 ½ xícara)
  • 15 g de fermento biológico fresco
  • 15 g de açúcar (1 colher de sopa rasa)
  • 2 g de sal (1 colher de chá rasa)
  • 1 ovo
  • 45 g de margarina sem leite (2 colheres sopa não muito cheias)
  • 150 ml de água (3/4 xícara)

Papel manteiga para abrir a massa

Pré-aquecer o forno por 20 minutos na potência de 220 a 250 graus.

Dissolver o fermento com o açúcar, 50 ml da água MORNA (não quente) e 1 colher de sopa da farinha preparada sem glúten. Misturar bem e deixar descansar por 10 a 15 minutos tampado com filme plástico e uma toalha para que o fermento borbulhe e cresça. Deixe a travessa com esta mistura repousando perto do forno ou dentro do microondas.

Enquanto espera a massa com o fermento crescer, corte dois círculos de papel manteiga do tamanho da forma de pizza e unte bem, de um lado só de cada folha, com margarina (não pode ser óleo). Eu corto as folhas de papel manteiga, mas só unto perto do momento de abrir, se não a folha fica mole, e mais fácil de estourar no momento de abrir a massa.

Depois que o fermento crescer, colocar o ovo, o resto da farinha sem glúten, o sal, e a margarina. Mexer com uma colher até estar tudo bem misturado. A receita pede que você acrescente o restante da água (100 ml) por último, mas sempre que coloco a água, minha massa fica muito mole e não consigo abrir de acordo com as instruções. Sugiro que você misture primeiro todos os ingredientes. Vai dar liga. Se a massa ficar muito seca, acrescente a água aos pingos, só pra dar liga. Se você colocar toda a água da receita, vai ter que acrescentar mais farinha sem glúten.

Colocar uma forma de pizza (vazia) no forno para que ela vá aquecendo também (sem o papel).

Em outra forma, colocar a metade da massa em cima de um dos círculos de papel (do lado untado). Coloque o outro círculo por cima com o lado untado virado para baixo. Abrir a massa com as mãos, lentamente, estendendo até as beiradas. Quando achar que está uniforme e que atingiu o tamanho certo, retirar o papel de cima delicadamente. Tente deixar a massa fina, pois fica mais gostosa e crocante.
Já fiz essa receita algumas vezes e tive alguns probleminhas nessa etapa de abrir. Você precisa untar BEM os dois lados do papel manteiga para conseguir abrir assim, e a massa não pode estar muito mole, por isso, não coloque toda a água da receita. Desta última vez, minha massa grudou no papel. Tive que retirar tudo. Cortei outro disco do tamanho da forma, mas abri com os dedos mesmo, com a mão enfarinhada com a farinha sem glúten da receita. Achei muito mais fácil.

Retirar a forma do forno e colocar a massa diretamente na forma quente com o papel manteiga por baixo. Deixar entre 10 e 15 minutos na mesma temperatura, para cozinhar e tostar um pouco a massa (a massa deve estar dourada por baixo, mas branca por cima). Retirar do forno, deixar esfriar um pouco e rechear a pizza a gosto. Levar novamente ao forno, por cerca de 15 minutos ou até que a massa esteja levemente crocante.

Essa receita rende 2 discos de pizza bem fininhos.

pizza

0 Comentários

Deixe seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: