Peito de frango marinado no Shoyu

Postado por menusemgluten em 27/ago/2013 - Sem Comentários

Frango marinado no Shoyu + Arroz integral com cenoura + ervilhas tortas

Dizem que quanto mais cores no prato, mais saúde para o corpo. Sou adepta dessa teoria. Gosto de um prato colorido! Além de proporcionar um visual bonito, as cores dos alimentos possuem um papel importante na prevenção de doenças.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, ingerir cinco porções diárias, variando nas cores, é o ideal. Assim fortalecemos nosso sistema imunológico e nos preparamos para combater substâncias cancerígenas e muitas outras doenças.

Os pigmentos representam muito mais do que apenas diferenciar um alimento de outro; possuem nutrientes com características distintas. Frutas, hortaliças e legumes possuem em sua composição, além de macronutrientes – proteínas, carboidratos e gorduras – pigmentos como: clorofila, carotenóides, curcumina, betalaínas, licopeno, betacaroteno, entre outros.

Ah, alimentos industrializados não contam!

Este frango é bem simples de fazer e é legal para variar aquele frango grelhado simples.
Utilizei um peito de frango inteiro. Limpei, cortei cada metade do peito em 2 (não deixe o filé muito fino), o que resultou em 4 filés médios de frango.

Para a marinada você vai precisar de:

  • 2 colheres de sopa de açúcar mascavo
  • 6 colheres de sopa de shoyu (usei o DAIMARU  – macrobiótico)
  • 3 dentes de alho amassados

Misture tudo e mergulhe os filés de frango nessa marinada. Cubra com papel filme e leve à geladeira. Deixe o frango descansar por, no mínimo, 30 minutos. Ao retirar da geladeira, tempere com sal e pimenta.

Aqueça bem uma frigideira, coloque um fio de azeite e grelhe os filés dos dois lados. Eu ainda joguei um pouquinho do caldo da marinada.

Para finalizar, salpique salsinha.

Para acompanhar o frango, fiz um arroz integral com cenoura. Não tem nenhum segredo. É só fazer o arroz de acordo com as instruções do fabricante, e adicionar a cenoura cortada em cubinhos para (a cenoura deve cozinhar junto com o arroz).

A ervilha torta também é bem simples. Lave e retire o fiapo das laterais.
Pique meia cebola, 1 dente de alho e refogue. Adicione as ervilhas e abaixe o fogo, para cozinhar devagar. O ideal é que a ervilha fique mais macia, mas ainda crocante.

Bon appétit!!

%d blogueiros gostam disto: