Barrinhas de Framboesa, Coco e Amêndoas sem glúten

Postado por menusemgluten em 26/ago/2013 - Sem Comentários

Barras de Framboesa, Coco e Amêndoas sem glúten

A culinária norte americana tem alguns quitutes que ainda são pouco conhecidos ou vistos aqui no Brasil. As tais bars (barrinhas) estão nesse pacote.

Eu sou muito fã destes docinhos. Eles geralmente levam uma camada de massa (tipo biscoito), um recheio, que pode ser geleia ou frutas picadas, e uma cobertura meio crumble ou crocante (que eu amo!!).

Eu já tinha feito algumas versões com glúten (antes do diagnóstico da doença celíaca), e agora precisava testar uma receita sem glúten. Esta receita veio do blog amado Glute-Free Goddess. Lá tem uma receita mais deliciosa que a outra, todas sem glúten!!!

Escolhida a receita, fui pra cozinha. Aproveitei que ia ter visita em casa, pra servir de sobremesa.

Adaptei algumas medidas, pois achei que ia ficar muito pesado com toda a manteiga/óleo de coco que a receita pedia. Coloquei as medidas do blog e as que usei.

Massa base:

  • 1 xícara (chá) farinha de amêndoa ou avelã (usei amêndoa)
  • 1/2 xícara (chá) de farinha de sorgo
  • 1/4 xícara (chá) de farinha de coco
  • 1/4 xícara (chá) de farinha de tapioca (ou polvilho doce)
  • 1 xícara (chá) açúcar mascavo claro (apertar levemente na xícara para medir)
  • 1 colher (chá) de goma xantana
  • 1/2 colher (chá) de sal
  • 1/4 colher (chá) de fermento em pó
  • 1/8 colher (chá) de noz moscada
  • 3/4 xícara (chá) de óleo de coco ou manteiga. Aconselho a colocar menos, acho que 1/2 xícara estaria ótimo.
  • 1 colher (chá) de baunilha de boa qualidade.

Pré-aqueça o forno em 180 graus.
Prepare uma assadeira retangular grande (mais ou menos 35 X 25 cm). Forre com papel manteiga. O ideal é cortar um pedaço grande do papel e forrar a forma no sentido horizontal, de forma que as abas fique para fora, para auxiliar no momento de desenformar.

Prepare a massa base.
Em uma tigela ou processador, coloque as farinhas, o açúcar, a goma xantana, o sal e as especiarias. Misture. Acrescente o óleo/manteiga e a baunilha. Use o botão pulse ou misture com as mãos até a massa ficar com aspecto úmido, como se fosse areia, mas quando você aperta, ela fica unida. Com a medida que usei de manteiga (indicada no blog), quando bati, virou uma massa mesmo. Por isso, acho que daria para usar menos óleo/ manteiga.
Coloque a massa na assadeira preparada e pressione para formar uma crosta uniforme.
Asse a massa por 7 minutos, em forno pré-aquecido, apenas para a massa pegar uma consistência. Retire do forno e reserve.

Para o recheio de geleia:

  • 440 g de geleia de framboesa (usei metade disso)

Cobertura de farofa (crumble):

  • 1/2 xícara (chá) de farinha sorgo ou farinha de arroz integral (usei farinha de arroz integral)
  • 1/2 xícara (chá) de açúcar mascavo claro
  • 1/2 colher (chá) de baunilha
  • 5 colheres (sopa) de óleo de coco ou margarina vegetal (usei margarina e apenas 2 colheres de sopa)

Misture tudo com as pontas dos dedos, até formar uma farofa úmida. Reserve.

Cobertura de coco com amêndoas:

  • 1 xícara (chá) de flocos de coco
  • 2/3 xícara (chá) de amêndoas laminadas
  • 4 colheres (sopa) de óleo de coco ou margarina vegetal (usei óleo de coco e apenas 2 colheres de sopa)
  • 1/2 colher (chá) de baunilha

Coloque o óleo de coco em uma frigideira. Espere amolecer um pouco e junte o coco, as amêndoas e a baunilha. Misture até o coco ficar levemente dourado. Reserve.

Finalização:
Pegue a massa base (que deve estar morna). Espalhe uniformemente a geleia de framboesa em cima, deixando uma borda de 1 cm sem geleia (isso ajuda no momento de desenformar). Por cima, jogue a cobertura de farofa, e, para finalizar, a cobertura de coco e amêndoas.
Leve ao forno, 180 graus, por 22 minutos. A geleia deve estar borbulhando e o coco deve estar dourado.
Com o auxílio do papel manteiga, retire a barra inteira da forma e leve para esfriar em cima de uma gradinha. Quando a massa estiver fria, solte suavemente o papel das bordas e corte em quadradinhos.

Parece complicado de fazer, mas não é, e o resultado é divino. Corre fazer para seu chá da tarde 🙂

Barrinhas

%d blogueiros gostam disto: